Ambiente de trabalho tóxico: sinais para reconhecê-lo

Ambiente de trabalho tóxico: sinais para reconhecê-lo

Um ambiente de trabalho saudável produz satisfação, bem-estar e boas relações entre os colegas. Infelizmente, nem sempre é esse o caso. Às vezes nos sentimos frustrados, cansados ​​e desmotivados. Pode até acontecer que não queiramos trabalhar por causa de um colega, de um patrão ou do ar que respiramos em geral. UMA ambiente de trabalho tóxico pode ter consequências muito negativas para nós.

Se tivermos em mente que qualquer empresa ou organização é uma colmeia de emoções, não é estranho pensar que existem conflitos e diferenças. Este não é o problema, mas sim como gerenciá-los e quais as consequências que podem ter. UMA ambiente de trabalho tóxico é caracterizado por um comportamento mal-humorado e manipulador.



Aprender a entender se você também vive em um ambiente de trabalho tóxico será de grande ajuda para protegê-lo e evitar que fique imbuído dessa toxidade. A seguir, falaremos sobre as características mais comuns de um local de trabalho desse tipo.



Características de um local de trabalho tóxico

1. Absenteísmo

É normal que as pessoas fiquem doentes, façam uma consulta ao médico ou precisem de se ausentar do trabalho. No entanto, quando esse comportamento começa a ficar repetitivo pode ser um sinal de alerta.

Computador em uma mesa

Faltar pelo menos três vezes por mês ou mais, ou sempre pedir licença é uma forma típica de absentismo . Isso também se aplica a atividades pessoais, consultas médicas ou doenças. Fenômenos de absenteísmo injustificado pode indicar um ambiente de trabalho tóxico.



Outra forma de manifestação de absenteísmo é ausência mental. Chegue ao local de trabalho e passe a maior parte do tempo realizando atividades que não estão relacionadas às suas funções.

Essas condutas pode ser corrigido se o chefe assumir a responsabilidade de fomentar o motivação de empregados. O sucesso é essencial para evitar que o desânimo se espalhe entre eles.

2. Abusos por parte de superiores

Um ambiente de trabalho tóxico também ocorre quando não há respeito por parte dos superiores para com o pessoal. Isso também pode ser revelado através do uso indiscriminado de cinismo e sarcasmo .



Sueño con un hombre enamorado de mi

Também se reflete na formulação de comentários desdenhosos, críticas pouco construtivas e comparações entre colegas. Esses comportamentos não incentivam o trabalho em equipe, mas sim competência excessiva e mal-estar.

3. Má comunicação

Problemas de comunicação no trabalho geralmente ocorrem quando isso não é direto, é incompleto ou quando toda a verdade não é dita. Isso gera incerteza, duplo sentido e confusão para quem recebe a informação. As consequências finais são erros e problemas nas atividades de trabalho.

Em muitos casos, os superiores não têm certeza de como desejam que certas tarefas sejam realizadas. Eles esperam que seus subordinados leiam suas mentes ou adivinhem os detalhes. Se esta situação persistir com o tempo, a frustração, o insegurança e a desmotivação será evidente.

4. Fraca proteção do funcionário

Essa situação ocorre quando a agência tem seus próprios interesses em mente (clientes, economia de custos, etc.) em vez dos interesses dos funcionários. Nesses casos não há rodízio nem possibilidade de promoção. Nenhum treinamento de responsabilidade ou programas de melhoria são oferecidos.

Neste contexto, o colaborador pode passar 10 anos desempenhando sempre as mesmas tarefas, sem qualquer possibilidade de receber uma promoção ou pelo menos de ser considerado para receber uma. Geralmente todos esses comportamentos criam grande angústia entre os funcionários e um ambiente de trabalho tóxico.

Homem dentro de uma bola de vidro apoiado por outro homem

5. Liderança ditatorial

Nesse caso, o supervisor toma todas as decisões sem se preocupar com o que sua equipe pensa. Ele não escuta e não quer saber a opinião dos subordinados. Isso gera medo ao expressar quaisquer divergências.

Um líder ditatorial geralmente é uma pessoa com pouca confiança. Ela acredita que é a única capaz de fazer um bom trabalho. Muitas vezes essa falta de Confiar em é devido às inseguranças pessoais, principalmente quando um dos funcionários demonstra ter excelentes qualidades, sendo considerado uma ameaça.

Este tipo de ambiente de trabalho tóxico tem uma circunstância agravante: os funcionários não podem contar com uma figura presente. Um líder que pode ajudá-los a encontrar soluções para seus problemas.

mira hacia abajo a la izquierda

6. Problemas de papel

Função é a função que uma pessoa desempenha em seu local de trabalho. Mesmo quando é extremamente complexo, é fundamental que esteja bem definido. Se isso não acontecer, a pessoa pode não ter uma ideia clara de sua função na empresa.

Nesse caso tarefas que não correspondam ao pedido do cliente podem ser realizadas. Ou talvez atendamos a solicitações e necessidades inconsistentes entre si ou incompatíveis para a realização do trabalho.

7. Bullying

Abuso no trabalho ou assédio moral é uma das situações mais comuns em um ambiente de trabalho tóxico. Ocorre quando um ou vários colegas obstruem o trabalho de outros. Mais, um relacionamento ruim com os colegas pode ser uma grande fonte de estresse.

Todos esses problemas podem afetar os funcionários em nível físico e psicológico. Isso afeta sua sensação geral de bem-estar. Portanto, é necessário combatê-los para gerenciar ou evitar um ambiente de trabalho tóxico.

Assertividade: a importância de saber dizer não

Assertividade: a importância de saber dizer não

O que significa assertividade e porque é importante